Terça-feira, 1 de Dezembro de 2009
Andropausa – Idade, Disfunção Eréctil e Desejo Sexual

Segundo esse estudo, cerca de 48% dos portugueses, em alguma altura da sua vida, sofrerá problemas de disfunção eréctil, o que pode não estar ligado a uma idade em particular, não é?

 
Jose Maria Aragués (endocrinologista): Claro, porque a andropausa e a disfunção eréctil podem ser coisas completamente diferentes; não quer dizer que uma implique necessariamente a outra. Este estudo foi feito entre os 40 e os 70 anos e o que queríamos ver era a prevalência de disfunção sexual eréctil.
 
De qualquer modo há, a partir de uma certa idade, uma diminuição da produção de determinadas hormonas, nomeadamente a testosterona, o que conduz a uma menor capacidade e predisposição do homem para a função sexual.
Há semelhança do que acontece no caso da menopausa para as mulheres, a possibilidade de se fazer uma terapêutica de substituição hormonal, levanta no entanto ainda dúvidas sobre as vantagens ou desvantagens da aplicação dessa terapêutica.
 
Jose Maria Aragués (endocrinologista): Exactamente. É importante definir quando encontramos uma diminuição das hormonas masculinas – a testosterona – se esta é uma diminuição acentuada, para então medicar e substituir essa hormona que falta.
Mas nem todos os doentes que têm disfunção eréctil, têm uma diminuição da testosterona, como já referi. Nesse aspecto a terapêutica será totalmente diferente.
 


publicado por servicodesaude às 20:58
link do post | comentar | adicionar aos favoritos
|

Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28